domingo, 16 de julho de 2017

Minha casa



Na minha casa eu ando,

Ando sorrindo,
Ando calma,
Na minha casa eu ando,
Te esperando.

Na minha casa eu ando nua,
Ando pura,
Ando leve,
Na minha casa eu ando devagar,
Ando sem me mostrar.

Na minha casa eu ando de verdade,
Eu sou a minha realidade,
A imaginação e o concreto,
Mas, muito mais do abstrato.

Na minha casa eu me conheço.
Na minha casa não é onde moro,
A minha casa é o meu lar.
Meu lar são meus sonhos,
As vontades que venho à guardar.

domingo, 23 de abril de 2017

Chuva




Coração apertado as lágrimas caem.
Assim como a chuva do lado de fora.

Grande temporal que inunda minha vida
Não para de cair.
E a vontade,
Vontade de liberdade,
De sair dançando e cantando.

Livrando-se de as dores e todas as angústias.
Deixem que os olhares de julguem,
As palavras no final te consumiram

A vida é uma canção.
Permita que ela te cante.
Respira fundo e dança para si.

domingo, 9 de abril de 2017

Diferente



A gente se ama sim,
De uma forma totalmente diferente.

Uma forma que nem todo mundo entende,
É difícil de explicar.
É tão puro, tão lindo.

Não é nada comum,
É real, 
É natural

Como o encontro do sol e o mar.
Meus lábios nos teus à de encontrar.
Respira meu ar.
Me deixa à delirar.

É um jeito diferente,
Um diferente jeito de amar.

domingo, 19 de março de 2017

Ela




Como pode,
Tão linda...
Os cabelos jogados,
Desarrumados,
Largados ao vento,
Roupas leves para o tempo.

O sol que ilumina sua beleza
E esconde seus segredos
Sua natureza...
Calma, selvagem,
Escolhe a melhor paisagem
Fecha os olhos para esconder o brilho,
E continua...
Sigo seu caminho...

Ela é meu paraíso 
Onde me deito...
Me encontro e a amo,
A escolho,
A beijo...